Tribunal de Justiça de MG mantém liminar que suspende retomada de aulas presenciais na rede estadual

0
256
Sala de aula
Foto: Reprodução

Na última quinta-feira (27), o Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG proibiu o Governo de Minas Gerais de convocar os professores da rede estadual para o regime presencial. A decisão acata o pedido realizado pelo Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais – Sind-UTE/MG.

Por maioria dos votos, o TJMG decidiu manter a decisão do formato on-line tomada no início da pandemia da Covis-19. O Sind-UTE/MG defende o retorno das aulas somente com a implementação de “todos os protocolos sanitários” e da vacinação dos profissionais da educação para impedir a proliferação do vírus da Covid-19.

Cabe informar, que neste sábado (29), ocorreu às 10h, o “Ato Publico” em frente à Catedral de Pouso Alegre, em defesa de políticas públicas que atendam os profissionais da educação, principalmente referente a imunização dos mesmos, contra a Covid-19. Em nota, a Secretaria de Educação de Minas Gerais informou que segue desenvolvendo as atividades escolares de forma remota, por meio do Regime de Estudo não Presencial.

Responda

Please enter your comment!
Please enter your name here