Morte por coronavírus em Ouro Fino é o primeiro caso confirmado do Sul de Minas

0
530
João Batista Bueno Filho
João Batista Bueno Filho

A morte de João Batista Bueno Filho (72 anos) no último dia 31 de março não é apenas o primeiro caso fatal da Covid-19 em Ouro Fino, mas também o primeiro no Sul de Minas. Em todo estado agora já são sete mortos por coronavírus.

A primeira morte em Minas Gerais foi confirmada na segunda-feira (30). Trata-se de uma mulher de 82 anos, que morava em Belo Horizonte e estava internada no Hospital Biocor, em Nova Lima, na região metropolitana. 

A segunda morte, confirmada na terça (31), foi de um paciente de 66 anos, também residente de Belo Horizonte, que estava no Hospital Semper. 

O terceiro óbito, confirmado na quarta-feira (1), é de um paciente de 44 anos, de Mariana, que não tinha ainda nenhuma outra comorbidade confirmada.

A quarta morte, confirmada na quinta-feira (2) é de uma mulher de 76 anos, moradora de Belo Horizonte. Ela tinha doença cardiovascular e diabetes. 

A outra paciente de Uberlândia é uma mulher, de 61 anos, que morreu na quinta-feira (2), mesmo dia em que o teste para a Covid-19 deu positivo. Ela já tinha doença renal crônica. 

Na sexta (3), em Uberlândia, foi confirmado mais um óbitos, trata-se de é um idoso, de 80 anos. O paciente já possuía doença pulmonar crônica e doença cardiovascular.

A morte do ourofinense João Batista é a sétima no estado. Ele morreu na última terça-feira (31) no Hospital de Clínicas de Itajubá, mas o resultado positivo do exame saiu na noite deste domingo (05).

Por enquanto, conforme a Secretaria de Estado de Saúde, o Sul de Minas tem 18 casos confirmados do novo coronavírus e 4.139 suspeitas em 146 cidades.