Coronavírus: Situação do estoque de sangue em Minas Gerais é alarmante

0
294
Doação de Sangue
Doação de Sangue

Segundo o Hemominas, o nível do estoque de sangue em Minas Gerais está muito baixo. Os tipos sanguíneos O, A e AB são os que mais precisam de reposição. O Hemocentro reforça que todas as unidades estão operando normalmente, no estado.

O estoque de sangue no estado ja estava baixo por causa das fortes chuvas e dos feriados, antes mesmo desses tempos de coronavírus, agora com a pandemia o número de doadores despencou e a situação tende a se agravar.

Para quem deseja doar, a fundação avisa que não há riscos, os ambientes de coleta são controlados e seguros. Seguindo a orientação do ministério da saude, é obrigatório o uso de álcool em gel 70% para qualquer pessoa que entrar na unidade, serão aceito apenas grupos de no máximo 10 pessoas para evitar aglomeração, foram impostas medidas para que cada doador mantenha se a um metro e meio de distancia para impedir a propagação do vírus.

“É imprescindível que as pessoas sadias compareçam a instituição e contribuam doando sangue para repor o estoque. Senão as pessoas que são atendidas pela Fundação em Minas Gerais que dependem das doações de sangue ficariam ainda mais fragilizadas tanto pelo vírus como pela falta de sangue assim afirma o Hemocentro.”

Os doadores precisam ter entre 16 e 69 anos e devem se programar online pelo site ou pelo aplicativo MGapp. Outras dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone 155 / opção 5. Para evitar aglomerações.

Vale ressaltar que quem já doou deve respeitar o prazo entre as doações. Os homens devem esperar 60 dias, entre uma doação e outra, até quatro vezes por ano. Já as mulheres devem esperar 90 dias e até três vezes por ano entre uma doação e outra.

Para os moradores de Ouro Fino, as doações são realizadas no Hemocentro em Pouso Alegre.