Antônio Freitas é condenado a 19 anos de cadeia

0
364
Julgamento (Reprodução/Google)

Na última quinta-feira (20), Antônio Freitas, mais conhecido como “Toninho Félix”, foi julgado pela Comarca de Ouro Fino, por dois crimes que ele cometeu em 2003. Na época, o réu acabou assassinando Wagner Antônio de Araújo, que namorava sua filha, Sandra Regina de Freitas, que também foi gravemente ferida pelo seu próprio pai.

Toninho não aceitava o namorado de Wagner e Sandra, e devido a isso, acabou tomando a pior atitude possível. Ele agrediu sua filha e Wagner com golpes de facada, sendo que o segundo não resistiu aos ferimentos e veio a falecer. Sandra acabou perdendo um dedo da mão e teve diversas sequelas deste crime.

15 anos após o ocorrido, a justiça foi feita. Antônio Freitas foi julgado e condenado, pelo Juiz de Direito, João Cláudio Teodoro, a 19 anos de prisão, pelos crimes de homicídio consumo e homicídio tentado. Ele está preso desde 2017, ano que foi recapturado pela polícia, ele estava foragido, residindo e trabalhando na cidade de Campinas desde 2003.